Páginas

Thursday, May 12, 2011

STILA ILLUMINATING FINISHING POWDER - GOLD

Dica do dia!! Excelente...um dos meus favoritos! Beijos Antonia

Friday, May 6, 2011

NOVIDADE! BATH & BODY WORKS SIGNATURE COLLECTION CHERRY VANILLAS (Cereja com Baunilha)

NOVIDADE! BATH & BODY WORKS SIGNATURE COLLECTION CHERRY VANILLAS (Cereja com Baunilha)

Nessa época ano passado a Bath and Body Works lançou uma edição limitada chamada de SUMMER VANILLAS. Elas consistem em três fragrâncias e se tornou um sucesso tal que Bath and Body Works manteve a linha permanente em suas lojas.




A linha começou com Coconut Vanilla, Lemon Vanilla ea Berry Vanilla. Infelizmente, o lemon Vanilla foi interrompido e no lugar apareceu o “Cherry Vanilla”. Algumas pessoas dizem que o Cherry Vanilla veio para substituir o Berry Vanilla.




Bath and Body Works descreve a fragrância como uma "explosão de cereja fresca e baunilha cremosa". As notas topo da fragrância são: Strawberry Aquafresca, Sparkling Dewberry, Watery Tangerine, White Cherry.. Outras são: Almond Blossom, Luscious Peach, Pink Jasmine. As notas de base são: White Amber, Vanilla Extract, Sugared Musk.


Na minha pele, a cereja é a nota mais forte (ao contrário do ano passado Berry Vanilla, que em mim parecia mais baunilha do que qualquer outra coisa). O gloss é uma mistura de glacê de baunilha e cereja, que é ótimo se você ama brilhos docinhos.


A Pacenko Beauty Shop (http://www.pacenkobeautyshop.com/)%20tem Bath & Body Works por R$23,00 (a pronto entrega)


Achei uma fragrancia bem jovial e suave!

contato@pacenkobeautyshop.com

Wednesday, May 4, 2011

MUNDO A FORA: Ilhas Caymans (Caymans Islands) paraíso das Iguanas!

MUNDO A FORA: Ilhas Caymans (Caymans Islands) paraíso das Iguanas!

Qual é a melhor definição de paraíso? Para você é escapar para dias de férias em um lugar exótico e pacífico no meio do Caribe com praias de areias brancas, mar azul turquesa, e sol durante todo o ano. Então o seu lugar é as Ilhas Cayman, esse pequeno território formado por três arquipélagos, é pouco visitado e conhecido por brasileiros






Território britânico no Caribe, a sul de Cuba. Relativamente isoladas e afastadas umas das outras, as ilhas têm em Cuba e na Jamaica, 300 km a sudeste, os vizinhos mais próximos. Compreendem a Grande Cayman, Cayman Brac, e Pequena Cayman. A capital é George Town.



 
As Ilhas Caiman foram descobertas por Cristovão Colombo em 10 de maio de 1503, durante a sua quarta viagem à América.



Foi governada juntamente com a Jamaica até 1962, quando a Jamaica conseguiu a sua independência e as Ilhas Caiman passaram a ser um território britânico ultramarino. Essa ilha e cheia de Iguanas e galinhas por todo o lado.


As Ilhas Cayman nunca tiveram uma relação muito estreita com o Brasil. No fim do século XX, entretanto, vários bancos brasileiros abriram escritórios de negócios nas ilhas.


A moeda usada é o dolar Cayman, tambem chamado de CI$ (CI$1 dolar cayman = U$1,25 dolar americano).


As ilhas Cayman são frequentemente lembradas no noticiário económico e político como paraíso fiscal, local onde algumas fortunas de origem duvidosa buscam o anonimato. Há hotéis cinco estrelas, lojas de grife e locais de luxo na capital Georgetown e na Seven Mile Beach, em Grand Cayman. Mas a colônia britânica é também excelente destino para mergulhadores e turistas que desejam passar as férias isolados e tranquilos, numa paisagem de praias de areia branca, mar azul e coqueiros.



A Seven Mile Beach corresponde à imagem do Caribe paradisíaco. Resorts e cruzeiros lotados, areias brancas, águas cristalinas, excelentes restaurantes e bares, badaladas animadíssimas e boates completam a oferta de uma natureza privilegiada.


O mergulho é um ponto alto, pela clareza das águas e a rica e variada fauna. Por isso, Cayman é um dos pontos mais visitados por mergulhadores do mundo todo. Perde apenas para as Bahamas. As águas têm temperatura média de 30°C e visibilidade de 30 metros, e uma grande riqueza de cavernas, canyons, corais e paredões.


A Iguana-azul ou Iguana da Grande Caymans é uma espécie criticamente ameaçada de lagarto do gênero Cyclura endêmico da ilha de Caymans. Anteriormente listada como uma subespécie de iguana-cubana, foi reclassificada como uma espécie distinta em 2004 por causa de diferenças genéticas descobertas quatro anos anteriores. A iguana-azul é uma das espécies com mais longevidade entre os lagartos (possivelmente até 69 anos).

 



A iguana-azul prefere povoar lugares rochosos, iluminados, em áreas abertas de floresta secas ou perto da costa, pois as fêmeas cavam buracos na areia para pôr ovos em junho e julho. A dieta herbívora da iguana-azul inclui plantas, frutos e flores. Sua coloração é escura a cinza azulado e é mais acentuada durante o acasalamento, principalmente no sexo masculino. É grande e o corpo é pesado com uma crista dorsal de espinhos curtos que correm a partir da base do pescoço até o fim da cauda.


O registro fóssil indica que a iguana-azul era abundante antes da colonização européia, mas em 2003 menos de 15 animais permaneciam em estado selvagem, e previu-se que esta população selvagem se iria extinguir durante a primeira década do século XXI. O declínio da espécie está sendo impulsionado principalmente por predação por animais domésticos (cães e gatos) e, indiretamente, pela destruição do seu habitat natural, pois fazendas de frutas são convertidas em pastagens para gado. Desde 2004, 219 animais criados em cativeiro foram liberados para a preservação da espécie nas ilhas Caymans


Seus parentes mais próximos são a Iguana-cubana (Cyclura nubila) e a Iguana-do-norte-das-Bahamas (Cyclura cychlura), tendo as três espécies divergido de um ancestral comum cerca de três milhões de anos atrás. A espécie tem uma baixa diversidade genética, mas parece não sofrer a mesma falta de vitalidade que aflige outras espécies de iguana. Uma teoria é que as espécies evoluíram a partir de uma única iguana-cubana fêmea (C. nubila nubila) com os ovos dentro dela, que espalharam-se pelo mar, talvez durante uma tempestade. É distinta da subespécie, encontrada na Pequena Caimão e Caimão Brac conhecida como C. nubila caymanensis, embora ela possa reproduzir-se com esta subespécie e produzir descendentes férteis.


Os olhos da iguana-azul tem uma íris áurea e uma escleravermelha. Eles têm excelente visão, que lhes permite detectar as formas e movimentos em longas distâncias. Como as iguanas-azuis têm apenas alguns bastonetes, elas têm má visão em baixas condições de luz. Ao mesmo tempo, têm células chamadas de "duplos cones", que lhes dão visão a cores acentuada e capacita-os para ver comprimentos de onda em ultravioleta. Esta capacidade é muito útil quando o animal está a apanhar "banhos de sol" pois garante que ela absorve luz solar suficiente sob a forma de radiações UVA e UVB para produzir vitamina D


A iguana-azul é encontrada apenas na ilha de Grand Cayman. Em comparação com outras espécies de Cyclura na região, sugere-se fortemente que uma vez houve uma população costeira de Iguana-azul que foi gradualmente deslocada ou extirpada por assentamentos humanos e na construção de estradas.


A iguana-azul ocupa buracos em rochas e cavidades em árvores, e os adultos são essencialmente terrestres. Indivíduos mais jovens tendem a ser mais arbóreos. Filhotes são predados pelo serpente nativo Alsophis cantherigerus. Os adultos não têm predadores naturais, mas podem ser vítimas de cães selvagens. Eles geralmente atingem a maturidade sexual aos três ou quatro anos de idade.


A Blue Iguana é listada como criticamente ameaçada no Lista Vermelha da IUCN. A população está restrita ao interior leste de Grand Cayman, onde tinha sido reduzida a um nível extremamente baixo, apenas três animais, tendo sido observado antes do exame em 1988. O alcance do Blue Iguana contratou significativamente ao longo dos últimos 25 anos, com muitos locais, uma vez preenchidos agora não mostrando sinais de iguanas.


A subpopulação restaurada no Queen Elizabeth II Botanic Park tem sido reprodução desde 2001, e da subpopulação na Reserva Salina foi considerado criação em 2006, depois de um ninho de três ovos eclodidos foi descoberto no selvagem. A partir de abril de 2007, após mais um lançamento em larga escala, existem 299 Blue Iguanas vivem no estado selvagem, com centenas mais que estão sendo criados em cativeiro em Grand Cayman.


Onde ficar? Seven Miles beach seria uma boa opcao.


Westin Casuarina


http://www.starwoodhotels.com/westin/property/overview/index.html?propertyID=1095


Treasure Island


http://travel.yahoo.com/p-hotel-324193-treasure_island_resort-i


Nao deixe de visitar:


Trata-se da maior e mais importante das ilhas de influêcia britânica. Conhecida antigamente pela "Ilha do Esquecimento", Grande Caimán soube guardar as tradições e os costumes ancestrais, hoje motivo de um tremendo interesse cultural, não se esquecendo de seus mais de 12 quilômetros de praias de areia branca, água cristalina e arrecifes de coral. A capital é George Town, uma pequena cidade com lojas, restaurantes e 500 bancos de porto franco. Fort Street é a rua mais conhecida.






East End: Entre os lugares dignos de visitar está East End, primeiro assentamento da ilha. Os clubes musicais como a Tartaruga Clube são típicos e divertidos. Na mesma costa e ao lado das estradas pode-se admirar os famosos géisers, jatos de água que saem das rochas e, também chamados de jatos sopradores.A Granja das Tartarugas, única no mundo, é um lugar onde pode-se admirar tartarugas verdes de todas as idades e tamanhos. Algumas têm até 100 anos.


Bons Restaurantes:


Para Brunch com certeza indico o LUCA, custa em media U$50 dólares americanos por pessoa…mas vale a pena. EXCELENTE!


Outras opções para almoço ou jantar (em seven Miles beach) seriam: TIKI BAR, Legends, Casa Havana, Solana, Coconut Joes and The Wharf.


Com certeza um lugar lindo e com muitas opções para diversão!! Vale a pena conferir.

Sugestoes? deixei sua opiniao!!

contato@pacenkobeautyshop.com






There was an error in this gadget

Beauty Girls - Colaboradoras

  • Fabiane - Sao Paulo, SC
  • Fernanda - Retrato da Beleza
  • Gabes - Sao Paulo, SP
  • Pamela - Florianopolis, SC
  • Stefana - Florianopolis, SC
  • Thici - Natal, RN
  • Vanda - RJ
 

Resenhas + visitadas essa Semana!